Um Projeto: Fundação Estudar
O professor Larry Smith

Por que você corre o risco de não ter uma carreira brilhante?

Por Redação, do Na Prática

Em uma TED Talk que se tornou hit mundial, o professor canadense Larry Smith desfaz as inúmeras desculpas que as pessoas usam para não descobrir e usar suas paixões

O economista Larry Smith abre sua TED Talk com palavras pouco encorajadoras. “Quero discutir com vocês hoje à tarde o motivo pelo qual vocês vão falhar em ter uma carreira brilhante”, começa.

A plateia ri, e Smith, que é professor na University of Waterloo, no Canadá, segue em frente, alfinetando de maneira divertida. “Só quero falar com aqueles de vocês que querem uma carreira brilhante – vocês vão falhar também.”

Sua palestra foi um hit inesperado e acumulou milhões de views. Em uma entrevista subsequente com a revista Forbes, ele resumiu sua crença: “Encontre e use sua paixão e você terá uma carreira brilhante. Não encontre, não tenha. É simples assim”.

Abaixo, leia alguns dos melhores momentos da TED Talk de Larry Smith:

Por que você vai falhar em ter uma carreira brilhante

Vou falar sobre aqueles que procuram carreiras excelentes e por que vão falhar.

A primeira razão é que não importa quantas vezes as pessoas digam algo como “se você quer uma carreira brilhante, você tem que ir atrás da sua paixão”, você decide não fazer isso.

Não importa quantas vezes você faça download do discurso de formatura de Steve Jobs na em Stanford, você decide não fazê-lo.

Uma das suas grandes desculpas é: “Bom, carreiras brilhantes são, para a maioria das pessoas, apenas uma questão de sorte. Então vou ficar por aqui, tentando ser sortudo. Se não, terei uma boa carreira”. Isso não vai funcionar.

Sua outra desculpa é: “Sim, há pessoas especiais que vão atrás de suas paixões, mas elas são gênios. São Steve Jobs. Eu não sou um gênio.”

Outra desculpa: “Bem, eu faria isso, mas não sou estranho.” Todo mundo sabe que as pessoas que vão atrás de suas paixões são um pouco obsessivas. Um pouco estranhas.

“Eu não sou estranho. Eu li a biografia de Steve Jobs. Oh, céus! Eu não sou aquela pessoa! Eu sou legal. Eu sou normal. Minha mãe e meu pai me falaram que, se eu trabalhasse duro, teria uma boa carreira. Então, se você trabalhar muito, muito, muito duro, você vai ter uma carreira brilhante.”

Hm, não.

Vamos tratar daqueles de vocês que estão tentando encontrar suas paixões. Você entende que de fato deveria fazer isso, a despeito das desculpas. Está tentando encontrar sua paixão. Encontrou alguma coisa pela qual se interessa.

A paixão é o seu maior amor. Paixão é a coisa que te ajuda a criar a melhor expressão do seu talento. Paixão e interesse não são a mesma coisa.

O que você quer é paixão. Você precisa se interessar por umas 20 áreas, e então uma delas pode te agarrar e você pode ter encontrado o seu maior amor em comparação com todas as outras coisas que te interessam. Isso que é paixão.

Você deve buscar alternativas para que possa encontrar seu destino – ou você tem medo da palavra “destino”?

É disso que estamos falando. Se você não encontrar a melhor expressão do seu talento, se se contentar com o “interessante”, sabe o que vai acontecer no fim da sua longa vida?

Seus amigos e familiares vão estar reunidos no cemitério, e lá, junto ao seu túmulo vai estar uma lápide: “Aqui jaz um eminente engenheiro que inventou o velcro”.

Mas o que aquela lápide deveria ter dito em uma outra vida, o que ela deveria ter dito se fosse a melhor expressão do seu talento, seria: “Aqui jaz o último vencedor do Prêmio Nobel em Física, que formulou a Teoria do Grande Campo Unificado e demonstrou a praticidade da dobra espacial.”

Uma dessas foi uma carreira brilhante. Outra foi uma oportunidade perdida.

Há alguns de vocês que vão encontrar sua paixão – e ainda assim vocês vão falhar.

Vão falhar porque vocês não vão fazer o que encontraram, porque vocês vão ter inventado qualquer desculpa para não agir.

No fundo do seu coração, você sabe por que.

Você tem medo de ir atrás da sua paixão. Você tem medo de parecer ridículo. Você tem medo de tentar. Você tem medo de falhar. Excelente amigo, excelente esposo, excelente pai, excelente carreira.

Isso não é um pacote? Não é isso o que você é? Como você pode ser um sem o outro? Mas você tem medo.

Então, essas são as diversas razões pelas quais você vai falhar em ter uma carreira brilhante, a não ser que…

A não ser que.

Baixe o ebook: 14 histórias de mudança de carreira

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo