Um Projeto: Fundação Estudar
Oito notas colantes na parede, uma sendo colada

Tabela de priorização ajuda a focar – e a não perder de vista suas metas!

Por Suria Barbosa

“Se tudo é uma prioridade, nada é”, lembra a investidora Fran Hauser. Sentindo-se afogada em tarefas intermináveis, ela desenvolveu uma tabela simples de priorização que facilita a visualização de sonhos e objetivos (e as ações voltadas para eles!)

Priorizar é uma capacidade que ajuda na administração das atividades do dia a dia. Embora ela seja importante em qualquer fase da vida, há momentos em que é indispensável. É o que percebeu a investidora e conselheira de startups Fran Hauser, quando teve um filho. Com tantos afazeres, ela sentia-se encurralada. Foi aí que criou uma tabela de priorização, que até hoje a ajuda a focar em seus principais objetivos (o que é mais difícil de fazer do que parece). Ela explicou todo o processo no site Fast Company.

Eu estava a algumas semanas de licença maternidade quando soube que minha empresa havia nomeado um novo CEO”, conta ela. Por medo de perder a chance de se conectar com o líder o quanto antes, ela interrompeu sua licença e voltou ao trabalho. O resultado de tantas responsabilidades acumuladas foi que Fran começou a trabalhar no que ela chama de “modo transacional”. Basicamente, passou a gastar toda sua energia em tirar tarefas pequenas da sua lista – o que fez com que as maiores (e mais importantes) escapassem.

Leia também: Matriz de Einsenhower: a ferramenta para priorizar melhor suas tarefas diárias

Ao conversar com um mentor, ouviu que deveria “escolher as coisas que realmente importavam” para ela. Foi então que Fran entendeu que não estava conseguindo impor limites para si mesma e decidiu agir para não retomar ciclos passados de frustração e ansiedade, marcas de dias “agitados, porém improdutivos”.

Eu precisava analisar objetiva e honestamente onde eu queria focar meu tempo e energia. Depois que descobrisse, poderia planejar um plano para diminuir os compromissos que não correspondiam às minhas prioridades.”

Como funciona a tabela de priorização

A tabela de priorização surgiu a partir do primeiro passo da reforma de produtividade de Fran: determinar os “não negociáveis” em todas as áreas de sua vida. Na prática, a tabela da investidora é bem simples e funciona com base em duas linhas, uma vertical e uma horizontal.

Em cada um dos quatro quadrados que se formam com os dois traços, escreva as áreas mais importantes para você. Fran, por exemplo, escreveu “Eu”, “Amigos/Família”, “Carreira” e “Mundo”.

Abaixo de título, listou suas maiores prioridades em cada campo. Aqui o cuidado é limitar o número de itens – afinal, é uma tabela de priorização. Fazendo isso, Fran sabia que seria forçada a dizer não a algumas tarefas, mas faz parte do exercício.

O objetivo da tabela da investidora era fazer com que suas próprias prioridades ocupassem a maior parte do seu tempo (idealmente, em torno de 80%). Assim, ela só se dedica às tarefas administrativas no restante das horas (20% delas).

Tabela de priorização de Fran Hauser
Tabela de priorização de Fran Hauser / Reprodução Fast Company

 

Outros passos para priorizar

Além de ter adotado a tabela de priorização, Fran tomou outras duas medidas. Ela ajustou seu calendário e listas de tarefas de acordo com suas prioridades listadas. “Comecei a mudar minha agenda e meus compromissos dizendo não e delegando alguns dos pedidos que não me levariam em direção às minhas metas”, explica.

Ela também começou a checar suas prioridades com frequência, para ajustar o que fosse necessário ao longo do tempo.

“Eu faço um check-in a cada duas semanas para ter certeza de que meu calendário está mapeando minhas prioridade. E a cada três meses, também revisito completamente minha tabela para determinar se preciso mudar alguma prioridade.”

O objetivo, explica Fran, é permitir que suas prioridades mudem sem deixar que elas se acumulem interminavelmente. Lembre-se: “se tudo é uma prioridade, nada é”.

 

Dica do Na Prática:

Autoconhecimento é fundamental para você embasar as suas decisões de vida e carreira. É por meio  dele que você vai responder dúvidas que podem estar na sua cabeça, como: “O que te traz felicidade genuína?”, “O que dá significado para sua vida?”, “Qual carreira faz mais sentido para mim?”. Foi pensando nesse seu momento que a Fundação Estudar criou o Autoconhecimento Na Prática, um curso de três dias que vai ajudá-lo a desvendar o seu verdadeiro Eu e a guiar com mais segurança suas escolhas profissionais e de vida. Inscreva-se agora com 10% de desconto usando o cupom AUTO10. É só clicar aqui!

 

 

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo