Um Projeto: Fundação Estudar
mulher profissional do Bank of America Merril Lynch

Por dentro do trabalho no Bank of America Merrill Lynch

Por Rafael Carvalho

A administradora Agatha Boutaud de la Combe fala sobre o dia a dia de trabalho na mesa de juros em um dos bancos mais tradicionais do mundo

Dos seus 24 anos, Agatha Boutaud de la Combe passou os últimos cinco trabalhando no mercado financeiro. Graduada em administração de empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), em São Paulo, começou cedo por indicação de um professor que percebeu a afinidade dela com a área. E, de fato, deu tão certo que ela não pensa em mudar de setor de atuação. Ao entrar no Bank of America Merrill Lynch, banco americano de investimentos e outros serviços, como estagiária, Agatha começou trabalhando no câmbio — atualmente ela está na mesa de juros. Como a efetivação de estagiários depende da disponibilidade de vagas por ano, ela contou com a sorte para ter um posto seu.

“Tenho tido uma carreira rápida no banco”, afirma a administradora. Para ela, o melhor de ter permanecido muito tempo na mesma área da empresa é aprofundar o aprendizado de todos os dias e lidar com os colegas, profissionais com quem é possível crescer em parceria.

As reuniões com a equipe acontecem às 8hs de cada manhã, iniciando o expediente de trabalho. Neste momento são discutidas as notícias que podem incidir sobre a economia no dia. Uma hora depois, o mercado abre e a mesa começa a operar. Até às 18hs a rotina de trabalho é intensa, mas nunca se estende até muito tarde. “Sei que posso marcar compromissos às 20h, que não vou estar no banco, isso é ótimo”, comemora Agatha.

A mesa de operações é responsável por tomar decisões para o próprio banco ou para seus clientes. No caso de Agatha, o trabalho funciona assim: o sales é responsável pelo relacionamento com os clientes; ela entra em contato com o time de sales no banco e eles lhe dizem que um cliente vai precisar de um derivativo de juros de três meses, por exemplo. Cabe a sua função precificar o valor desse derivativo para este cliente. “Cada pessoa tem uma atribuição bem definida na equipe, mas nos ajudamos bastante”, ela diz.

Oportunidades no Bank of America Merryll Lynch

Não é muito comum que os bancos tenham funcionários júnior trabalhando na mesa, explica Agatha, então o mais fácil é que o profissional entre em outra área da empresa até ganhar experiência e poder operar. No caso do Bank of America Merrill Lynch, particularmente, há espaço para júnior na mesa, mas ele precisa ter sido estagiário antes. Além disso, lá não há muita rotatividade na mesa, então as vagas disponíveis não são tão frequentes . São contratados de 80 a 90 estagiários por ano na empresa, mas a efetivação depende de uma combinação de fatores, incluindo postos vazios e performance individual.

Baixe o Especial do Na Prática com tudo sobre a carreira no Mercado Financeiro

Um dos principais pontos positivos do banco é a oportunidade de crescimento. “As pessoas querem te delegar funções porque elas também precisam de ajuda”, explica Agatha. As cobranças e metas, por sua vez, costumam ser gerais para toda a instituição e não segmentadas por áreas, mas dependem também do momento da economia e do mercado.

Apesar de estar numa área majoritariamente masculina, Agatha afirma nunca ter sofrido preconceitos de gênero. “Há uma preocupação interna com diversidade. Sinto que sou avaliada pelo trabalho, como todos”, afirma. Até contratar uma estagiária no ano passado, no entanto, ela foi por muito tempo a única mulher trabalhando na área.

Após ter tirado a certificação CFA, Agatha acredita que o conhecimento referente a prova contribuiu mais para compreender outras áreas do banco do que diretamente no seu trabalho.

Futuro na área

“Por enquanto meu foco é construir a carreira no banco”, ela diz. “Não pretendo fazer MBA agora, mas quero morar fora pelo Bank of America Merrill Lynch para então pensar se devo continuar em trading, em áreas mais gerenciais. Hoje não me vejo fazendo outra coisa, porque gosto muito”.

Agatha Boutaud de la Combe participou do Imersão Mercado Financeiro, programa de preparação e decisão de carreira promovido pelo Na Prática. Quer conhecer melhor as oportunidades de carreira nesse mercado? Saiba mais aqui.

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo