Um Projeto: Fundação Estudar

3 passos para se preparar para uma entrevista de emprego

Por Redação, do Na Prática

Gabriel Vinholi, da Fundação Estudar, explica como dedicar tempo à preparação para uma entrevista pode aumentar radicalmente suas chances de ser contratado

Será que você está se preparando da melhor forma para as entrevistas de emprego? Segundo Gabriel Vinholi, autor do O Livro Negro do Estágios, muitas vezes é o descuido com a preparação que acaba sabotando o resultado final da entrevista. 

Ele também é um dos responsáveis pelo novo curso presencial da Fundação Estudar, o Marketing Pessoal Na Prática, que ajuda os participantes a se destacarem nos processos seletivos e conquistarem a vaga que querem. Atualmente, duas edições estão abertas – uma em Brasília, no dia 11/11, e outra em Belo Horizonte, em 25/11 – e as inscrições podem ser realizadas por aqui.

A seguir, ele escreve sobre os três principais passos para chegar preparado na sua próxima entrevista:

Como se preparar para uma entrevista de emprego

Primeiro, responda uma pergunta: se você fosse fazer uma prova com potencial de definir seu futuro (pode ser a prova de um concurso público, ou uma prova para ingressar naquele mestrado que você está sonhando faz tempo), você estudaria?

Imagino que sua resposta para esse pergunta seria sim. Tanto que temos uma cultura de preparação intensa para fazer vestibulares ou provas de concursos públicos. Algumas pessoas chegam a dedicar mais de um ano estudando para conquistar a vaga desejada na universidade ou em um órgão do governo.

No entanto, fico impressionado ao ver que raramente as pessoas gastam mais do que uma ou duas horas se preparando para uma entrevista de emprego. E isso é um erro fatal!

Geralmente os candidatos entram no site da empresa, estudam seus valores e sua missão, leem um pouco da história e é isso… Quando paramos por aí, nos equiparamos a média baixa dos candidatos: fizemos o mínimo do mínimo.

Leia também: Como se apresentar de forma memorável em uma entrevista de emprego

A preparação vale a pena

Já pensou o quanto pode te custar não estudar para uma entrevista?

Se você não for aprovado, poderá passar os próximos 1 ou 2 meses desempregado, e deixando de receber salário. Ou seja, além de ser um problema para a carreira, deixar a preparação passar batida também pode render prejuízos financeiros.

A boa notícia é que se preparar para uma entrevista de emprego é, de fato, muito mais fácil do que para um concurso público ou uma prova de vestibular.

No fundo, fazer uma entrevista de emprego é fazer uma prova que você sabe quais perguntas vão cair! Aqui no portal Na Prática já falamos sobre o assunto em diversos outros textos. Algumas são tão batidas que chegam a virar piada, como por exemplo: Qual seu ponto fraco?

O que eu estou querendo dizer aqui é: invista pelo menos dois dias se preparando para uma entrevista. Eu garanto que fazendo isso você estará a frente da maioria dos candidatos.

Para finalizar esse artigo, compartilho um passo a passo de como se preparar para uma entrevista:

PASSO 1: Prepare-se para as perguntas “padrão”

Existem perguntas que são bastante recorrentes nos processos seletivos, como os exemplos que eu apresento a seguir:

1. Quais seus pontos fortes e fracos?

2. Por que você quer trabalhar nessa empresa?

3. Como você se imagina daqui a 5 ou 10 anos?

4. Por que eu devo contratar você?

5. Quais foram suas maiores conquistas profissionais e/ou pessoais?

Não são perguntas simples ou triviais, e formular uma resposta na hora, ainda mais sob pressão, é bem difícil. Então a dica é se preparar antes, pensar na resposta e ter pelo menos um norte a seguir na hora da entrevista. Planejar e treinar o que você vai falar torna a entrevista muito mais proveitosa.  

A websérie abaixo, do canal do Na Prática no Youtube, vai te ajudar:

PASSO 2: Entender melhor a empresa

O próximo passo é ir mais a fundo na parte “técnica” que envolve a atuação da empresa:

Macroeconomia: Você não precisa ser um expert, mas é bom saber como anda a situação política e econômica do Brasil. Qual a situação mundial? Quais países são bola da vez?

Indústria: Quem são os principais clientes no setor da empresa que você está se candidatando? E os principais concorrentes? Quem domina o mercado?

Empresa: Como é a cultura da empresa? Sua missão, visão e valores? Como ela se comporta nas redes sociais? Como sua marca se posiciona? Quais seus principais produtos?

Área/Função: O que a área para qual você está se candidatando faz? Como se encaixa na empresa como um todo? Como você pode contribuir para essa área?

Baixe o Ebook: O Guia definitivo para descobrir e conquistar o trabalho dos sonhos

Quando você mostra que conhece a empresa, você mostra muito mais do que conhecimento técnico, você demonstra proatividade e iniciativa, características que as empresas adoram.

PASSO 3: Afine o seu storytelling

Por fim, eu diria que o mais importante é: prepare seu storytelling! Se tem uma frase que com certeza será dita durante a entrevista é: “Me fale sobre você”.

Você precisa saber contar a sua história de modo que faça sentido, por isso invista um tempo preparando seu storytelling e tenha uma versão curta, de 5 minutos, pronta para a entrevista.

Este outro texto vai te ajudar a implementar técnicas de storytelling na sua apresentação durante uma entrevista de emprego.

Seguindo esses 3 passos (pesquisar perguntas comuns, pesquisar a empresa, preparar seu storytelling), você chegará muito mais preparado para essa “prova” que você já sabe as perguntas e aumentará suas chances de conseguir aquela vaga dos sonhos!

Para quem quiser uma experiência presencial, há inscrições abertas para novas edições do curso Marketing Pessoal Na Prática, um intensivo de um dia desenvolvido pela Fundação Estudar justamente para ajudá-lo a contar sua história.

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo