Um Projeto: Fundação Estudar

Soft skills importantes para crescer na carreira

Por Suria Barbosa

No mercado de hoje, o conhecimento técnico não é mais suficiente para garantir sucesso profissional. Conheça as soft skills que podem te ajudar durante a trajetória, segundo CEO e sócio da ClearSale.

Ter um currículo impecável não é mais suficiente para garantir uma carreira de sucesso. É claro que aquele MBA, a pós-graduação e os diversos cursos ajudam a mostrar que você tem as habilidades técnicas para o cargo que está se aplicando. Isso é importante, mas o mercado de hoje também busca outro tipo de competência: as soft skills.

Estatístico formado pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e com um doutorado em Administração pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), o CEO e sócio da ClearSale, Bernardo Lustosa, diz que definiria as soft skills como habilidades não técnicas. 

É tudo aquilo que completa a sua formação, para você executar bem o seu trabalho. Indo além, é o que faz você conviver bem com os seus amigos, com os seus colegas e com a sua família”, ressalta.

Analisando sua trajetória profissional, que inclui passagens pelo varejo e por bancos, Bernardo destaca a importância de uma soft skill em específico: a capacidade de resolver problemas.

 

 

“Uma empresa é uma fábrica de problemas. Todo dia você tem que resolver um ou mais: às vezes são simples, outras são complexos. Posso dizer que o horário em que eu fui mais útil para a ClearSale, foi entre 6h e 7h30 da manhã. Penso muito sobre os problemas com a cabeça descansada. Ao acordar, crio soluções e venho para a empresa para executar. Como o nosso trabalho é intelectual, a grande maioria dele foi feito na minha cama.”

Segundo Bernardo, resolver problemas envolve muita criatividade e ele acredita que essa é uma soft skill que pode ser desenvolvida, ao contrário do que muitos pensam: “as pessoas acham que nascem criativas ou não. Mas, para mim, todo mundo é criativo naquilo em que fica muito tempo pensando. Por exemplo, se você está tentando passar de fase em um videogame e ficar pensando nisso, vai construir uma estratégia.”

Leia também: Como conquistar confiança no ambiente de trabalho

As soft skills que todo profissional deve ter

Entre as soft skills mais relevantes para o mercado de trabalho atual, Bernardo diz que o senso de dono é a que mais considera imprescindível. “Durante a minha carreira, vi que todas as pessoas que cresceram de forma mais rápida e que foram consideradas talentos, tem uma coisa em comum:  elas viram a empresa como se fosse sua desde o primeiro dia.”

Além disso, ele também cita a capacidade de lidar com pessoas e de construir relacionamentos, a articulação ao se comunicar e a facilidade para interpretar dados, como soft skills bastante valorizadas pelo mercado e pela Clearsale.

Para quem quer desenvolvê-las e consequentemente crescer na carreira, Bernardo diz que o principal é sempre pensar nos interesses da empresa.

“O sonho de todo líder é que as pessoas escolham sempre aquilo que vai trazer mais valor para a empresa no longo prazo. Se suas decisões têm como objetivo criação de valor futuro, você já está atendendo o primeiro objetivo que uma organização espera de um profissional: fazê-la crescer sustentavelmente. Você já vai sair dois passos na frente de todo mundo.”

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo