Um Projeto: Fundação Estudar
Homens discutem em frente a parede com post its

Abril Educação recruta jovens talentos por meio do programa ‘Empreendedores da Educação’

Por Rafael Carvalho

A empresa está em busca de pessoas focadas em execução mas que sejam apaixonadas por educação e por ter impacto no Brasil

As temáticas de empreendedorismo e inovação parecem cada vez mais despontarem como possíveis caminhos para a velho sonho de transformar a educação no Brasil. É em sintonia com esse movimento que a Abril Educação está recrutando jovens talentos por meio do programa Empreendedores da Educação – as inscrições podem ser realizadas até sexta-feira (17), por aqui.

Recentemente adquirida pela Tarpon, fundo bilionário conhecido pelos executivos jovens e investimentos certeiros, a empresa tem passado por um processo de mudança cultural e garante para os aprovados no processo seletivo a companhia de uma equipe de ponta. Hoje, trata-se da maior empresa de educação básica do Brasil, atendendo diretamente 35 milhões de alunos.

O programa Empreendedores da Educação

“Acredito que desenvolvimento profissional vem na prática, vem quando você está numa posição que te dá um frio na barriga”, comenta Gisela Gasparian. A frente do programa Empreendedores da Educação, ela explica que a empresa busca pessoas focadas em execução mas que sejam apaixonadas por educação e por ter impacto no Brasil.

Leia também: Educação e tecnologia, uma combinação que atrai investimentos

“Ninguém tem a resposta absoluta de como vai melhorar educação no Brasil. A gente quer pessoas que vão fazer alguma coisa diferente. Se der certo, ótimo, começamos a escalar, senão ótimo, aprendemos”, acrescenta.

Por meio do programa, a empresa pretende trazer para a equipe dez jovens recém-formados, com dois a quatro anos de experiência no setor, embora não seja necessário nenhuma formação específica. O único requisito é um histórico de alta performance. “É aquele cara que tem vontade de fazer, alguém inquieto, e você consegue ver isso no currículo da pessoa, nas coisas que ela já fez”, explica Gisela.

Leia também: Cinco dicas para quem quer trabalhar no setor educacional

“Dentro da Abril Educação, eles estarão diretamente ligados as agendas que vão transformar o futuro da empresa, como ela funciona”, acrescenta, esclarecendo que o trabalho será realizado bem próximo das lideranças da companhia. Cada um dos empreendedores será responsável por tocar um projeto inovador ao lado de algum diretor.

Para Gisela, trata-se de uma trilha de carreira bastante acelerada para quem sonha em trabalhar com educação em uma grande empresa: “Queremos trazer as pessoas que daqui a quatro ou cinco anos serão os lideres da Abril Educação”, conclui. Ficou interessado? Inscreva-se aqui.

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo