Votorantim Cimentos na prática: como é o dia a dia de uma trainee

A advogada Carolina Nogueira conta sua experiência em diferentes departamentos da empresa, incluindo comercial e financeiro

Salvatore Carrozzo, para o , em 22.09.2014
mulher sorrindo [shutterstock]

Quando começou a praticar natação, aos 12 anos, Carolina Nogueira não imaginava que o esporte traria tantos benefícios para sua futura vida profissional. Hoje, aos 25 anos, a advogada mineira (mas de alma carioca: ela cresceu no Rio de Janeiro) relembra a década inteira que passou competindo na modalidade, chegando a ser, por duas vezes, vice-campeã brasileira. “O esporte me trouxe muita disciplina, me ensinou a ter sempre foco no resultado, a saber lidar com a euforia e com as perdas também, pois nem sempre é possível estar em alta”, afirma. Atualmente, ela é uma das trainees da Votorantim Cimentos.

A vontade de trabalhar com o mundo corporativo veio de casa, uma vez que o pai de Carolina é empresário. Tal desejo cresceu a partir do momento em que passou no processo seletivo da Ibmec, instituição de ensino superior com grande foco no Direito empresarial. Com o fim da graduação, nada de concurso público, caminho que muitos formados em Direito optam, visando à estabilidade financeira. “O serviço público nunca foi a minha praia, sempre fui muito dinâmica, sempre gostei de ler, adorava História e Geografia na escola”, conta. Daí para a inscrição no processo de seleção do trainee da Votorantim foi um pulo.

Candidate-se ao programa de trainee da Votorantim Cimentos

Job rotation
Carolina entrou no programa em janeiro deste ano. Após dois meses de treinamento, começou o job rotation. A primeira experiência dentro do projeto proposto pela multinacional, uma das maiores do setor de construção em todo o mundo, foi em um departamento ao qual ela estava pouco acostumada: o comercial. A mudança de ares empolgou a jovem profissional. Entre outras atividades, ela teve de desenvolver o piloto de um novo produto para a Votorantim Cimentos, com custo mais baixo. “O feedback que recebi foi muito bacana, várias pessoas da empresa vieram me procurar para saber mais sobre aquilo que eu havia sugerido”, explica.

Atualmente, ela está em seu segundo job rotation, na tesouraria, vendo de perto como funciona a área financeira da companhia. Esse trânsito entre os diversos setores é visto como um dos pontos positivos do programa do qual participa. Na opinião de Carolina, todo trainee deve ter a cabeça aberta, até mesmo para descobrir novas possibilidades profissionais. “Imagina só uma advogada na área financeira? É preciso ter um diálogo aberto e constante para isso dar certo”, brinca. Para garantir isso, cada um dos 14 trainees da Votorantim Cimentos é apoiado por um diretor da empresa, de modo a enriquecer o aprendizado. Essa abertura, aliás, é uma das coisas que ela mais admira na empresa.

Seu próximo campo de atuação ainda não está definido. Tudo depende das conversas com o seu “padrinho”. Ao final do programa de trainee, caso exista uma possibilidade de continuar atuando no departamento de finanças, Carolina pretende abraçar a oportunidade sem pestanejar. “Afinal, é uma área com grande interface com o núcleo jurídico”.

Leia também: Como entrar na Votorantim Cimentos

Dia a dia
A vida de Carolina é bastante agitada na Votorantim Cimentos. A rotina é preenchida com muitas reuniões e discussões internas, além de encontros de orientação de carreira com o mentor. Além disso, ela participa do programa interno Jovem Potenciar, que reúne trainees e também funcionários da multinacional. Nele, os integrantes da turma participam de diversos workshops e, ao final, desenvolvem um projeto em grupo que possa trazer um resultado financeiro significativo para a empresa. “Até o presidente da Votorantim Cimentos vai assistir a essa apresentação”, conta, já ansiosa.

Outro ponto forte do processo seletivo da empresa, segundo Carolina, é a diversidade dos trainees, com formações e experiências diferentes. A próxima turma, inclusive, terá a chance de passar pelos escritórios da empresa em Toronto, no Canadá, e Madri, na Espanha. As inscrições para a edição 2015 do programa estão abertas e seguem até dia 6 de outubro. Mais informações podem ser obtidas no site Produzindo Futuros.

Esta reportagem faz parte da seção Explore, que reúne uma série de conteúdos exclusivos sobre carreira em negócios. Nela, explicamos como funciona, como é na prática e como entrar em diversas indústrias e funções. Nosso objetivo é te dar algumas coordenadas para você ter uma ideia mais real do que vai encontrar no dia a dia de trabalho em diferentes setores e áreas de atuação.