Um Projeto: Fundação Estudar
3 pessoas em uma sala de reuniao conversando

Trainee Votorantim Cimentos: como entrar na empresa

Por Cecília Araújo

Trainee, ex-trainee e funcionária, de diferentes áreas de formação e atuação, dão dicas aos jovens que sonham em trabalhar na companhia

Inscrição, testes, entrevistas, palestras, dinâmicas… Em geral, os processos de trainee costumam ser longos e demandantes. Para mudar um pouco a cara dessa importante fase na vida de muitos jovens profissionais, a Votorantim Cimentos dinamizou e aperfeiçoou essas etapas. As mudanças começaram a ser implementadas no ano passado e deram tão certo – o processo foi considerado um dos melhores pela pesquisa Trainee do Futuro 2013, realizada pela Seja Trainee –, que continuam valendo para quem tentar uma vaga na próxima turma (Trainee 2015).

Segundo funcionários da empresa, o processo de 2015 deve durar, no máximo, três meses. “Muitos candidatos estão se formando, fazendo trabalho de conclusão de curso. Sabemos que é um período bastante complicado para eles”, afirma Júlia Fávere, 27 anos, analista de captação da Votorantim Cimentos, uma das empresas do grupo Votorantim. Em outros anos, a duração das diversas fases podia chegar a até seis meses. As inscrições estão sendo divulgadas por redes sociais e também por um trabalho direcionado nas universidades, em busca de estudantes com alto potencial de liderança. Somadas, as empresas do grupo oferecem 42 vagas para trainees.

Leia também: Como é o dia a dia de uma trainee na Votorantim Cimentos

Como funciona o processo de trainee

A avaliação inclui teste de lógica e inglês (com foco na conversação), análise comportamental e duas fases presenciais, sequenciadas, de forma que os candidatos que não moram em São Paulo precisem se deslocar para a cidade apenas uma vez. Essa última etapa é composta por painel com gestores e debates com diretores da Votorantim. O perfil do trainee da empresa, segundo Júlia, é de um profissional que não gosta de conformismos. “É preciso querer botar a mão na massa, estar próximo ao negócio e também querer sair da zona de conforto. Alguém da área do Direito pode ir para a área comercial. E tem de estar conectado aos valores da Votorantim Cimentos”, afirma.

Ela dá uma dica para os candidatos: estejam sempre informados sobre o que está acontecendo no mundo. Além disso, ter experiências extracurriculares ajudam, como ONGs, empresa júnior ou grêmio acadêmico. Segundo a analista, os testes não são apenas avaliativos, mas também uma experiência de aprendizado. Aqueles que chegam à fase final recebem um feedback que pode ser usado para seu crescimento profissional.

Candidate-se ao programa de trainee da Votorantim Cimentos

Perfil do candidato a trainee

Ex-trainee da Votorantim, Nicolas Chang, 23 anos, atualmente trabalhando como supervisor de inteligência de mercado da regional sudeste da Votorantim Cimentos, faz coro à fala de Júlia. “O candidato tem de saber transitar em diversos níveis, do chão da fábrica à diretoria”, diz Nicolas. Quando terminou a graduação em Economia, na PUC-RJ, ele pensava em seguir carreira na área de finanças. Ao entrar na Votorantim, entretanto, acabou vendo uma boa oportunidade na área comercial. Tudo isso graças ao diálogo com seu mentor na empresa – cada trainee é aconselhado durante o programa por um diretor. Quem tem conhecimentos muito específicos, acredita Nicolas, acaba prejudicado, uma vez que a Votorantim aposta em um perfil mais aberto.

Atual trainee da Votorantim Cimentos, Carolina Nogueira, 25 anos, abandonou o último emprego para tentar uma vaga em um dos concorridos processos das grandes empresas brasileiras. E mirou em poucas delas. Ela queria uma empresa sólida, multinacional. O nome Ermírio de Moraes (família fundadora do grupo Votorantim), conta a jovem, pesou bastante na escolha pela Votorantim Cimentos. Atualmente, ela está no segundo job rotation – fase do treinamento em que os trainees passam por diferentes áreas da empresa.

“Brincamos que aqui temos “free-pass” (passe livre, em português), pois estamos em contato direto com os diretores”, brinca. Como passar no teste para trainee? “Ah, não existe uma receita de bolo. Somos 14 participantes aqui na Votorantim Cimentos, um com perfil bem diferente do outro. Mas recomendo conhecer bem a empresa e chegar com brilho nos olhos. Ter interesse real e demonstrar que não está apenas fazendo mais um processo.”

Leia também: A trajetória de uma consultora de meio ambiente na Votorantim Cimentos

Inscrições

As inscrições para o processo já estão abertas e seguem até o dia 6 de outubro. Podem participar candidatos com graduação prevista para 2014 ou com até dois anos de formação nos seguintes cursos: Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas/Economia, Ciências Sociais, Comércio Exterior, Comunicação Social, Direito, Engenharias, Estatística, Geologia, Marketing, Matemática, Psicologia, Química e Relações Internacionais. Para mais informações e inscrições, clique aqui.

Esta reportagem faz parte da seção Explore, que reúne uma série de conteúdos exclusivos sobre carreira em negócios. Nela, explicamos como funciona, como é na prática e como entrar em diversas indústrias e funções. Nosso objetivo é te dar algumas coordenadas para você ter uma ideia mais real do que vai encontrar no dia a dia de trabalho em diferentes setores e áreas de atuação.


O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo