Não é novidade para ninguém que a pandemia tem impactado continuamente o universo corporativo. Precisando se adequar às novas demandas do mercado, os principais setores e áreas que se mostraram aquecidos foram justamente aqueles que acompanharam (e até se transformaram) durante o atípico ano de 2020.

Pelo menos é isso que aponta um levantamento recente do LinkedIn. Segundo a rede, os empregos em alta são definidos como as categorias de carreira que tiveram o maior crescimento em termos de contratações de um ano para o outro.

Se preparando para uma entrevista desafiadora?

Conte com quem mais entende do assunto com o curso Processos Seletivos Na Prática

Se preparando para uma entrevista desafiadora?

Conte com quem mais entende do assunto com o curso Processos Seletivos Na Prática

Leia também: Entenda quais serão as tendências de trabalho no pós-pandemia

Além disso, foram analisados mais de 15 mil cargos para descobrir os que mais cresceram em comparação a 2019. As tendências de carreira, aliás, foram classificadas por uma combinação da média de crescimento anual com o volume da demanda de empregos.

1 – Médicos especializados

A pandemia da COVID-19 deixou ainda mais em evidência a necessidade de profissionais da área da saúde. As contratações de enfermeiros de terapia intensiva, em particular, registraram um crescimento recorde de 820% em comparação a 2019 – sendo que a maior parte dessas vagas foram preenchidas por ex-enfermeiros generalistas. Outro fato que vale ser mencionado é que entre os contratados, 72% foram profissionais do sexo feminino.

Principais competências

Enfermagem em terapia intensiva, farmácia clínica, medicina, fisioterapia, terapia ocupacional e biologia.

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

Cargos comuns

Enfermeiro(a) de terapia intensiva, enfermeiro(a) de saúde pública, enfermeiro(a) de pronto-socorro, clínico geral, fisioterapeuta, farmacêutico(a), médico(a) e especialista clínico.

2 – Cargos em tecnologia

Na contramão de setores que foram afetados negativamente com a pandemia, a área de tecnologia manteve um crescimento constante. Entre as categorias analisadas, respondeu por 20% do total de vagas remotas disponibilizadas no período – maior número entre todas as áreas. No entanto, foi também a que apresentou as contratações de gênero menos equilibradas, com apenas 20% de mulheres contratadas.

Principais competências

Git, Unity, JavaScript, React.js, Scrum, design de experiência do usuário (UED), SQL, design de interface do usuário e Cascading Style Sheets (CSS)

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Curitiba

Cargos comuns

Engenheiro(a) de software, desenvolvedor(a) de back-end, desenvolvedor(a) de jogos, desenvolvedor(a) de front-end, consultor(a) de design de produto, designer de interface do usuário, desenvolvedor(a) de web e analista de segurança cibernética.

3 – Farmacêuticos e pesquisadores

Ainda como reflexo da pandemia, diversas organizações de pesquisa, como o Instituto Butantan, o IQVIA e o PRA Health Sciences, necessitaram da mão de obra de mais profissionais da área. Houve maior investimento em projetos de pesquisas relacionados ao coronavírus e, segundo o estudo, 73% dos cargos foram preenchidos por profissionais do sexo feminino.

Principais competências

Monitoramento clínico, boas práticas clínicas (BPC), boas práticas de laboratório (BPL), pesquisa clínica, bioquímica, hematologia e 5S.

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre, Curitiba e Belo Horizonte.

Cargos comuns

Técnico(a) em medicina, cientista de laboratório médico e assistente de laboratório.

4 – Cargos em vendas e desenvolvimento de negócios

Adaptar-se às constantes mudanças do ambiente de negócios foi fundamental para a sobrevivência e o crescimento das empresas ao longo de 2020. Neste sentido, a demanda por profissionais qualificados para orientar empresas e clientes a tomar decisões de investimento estratégico aumentou consideravelmente. Cargos como diretor executivo, especialista em vendas e diretor de vendas tiveram um aumento no número de contratações no ano passado.

Principais competências

Negociação, gestão comercial, e-commerce, pré-vendas, planejamento de negócios, negociação, gestão de vendas.

Principais localidades

São Paulo, Curitiba, Porto Alegre e Rio de Janeiro.

Cargos comuns

Especialista em vendas, gerente de vendas, assistente operacional de vendas.

5 – Especialistas em e-commerce

As compras on-line nunca estiveram tão em evidência quanto em 2020. Se de um lado os consumidores buscaram por diferentes produtos, as empresas precisaram de especialistas em e-commerce para cargos de logística e marketing digital. As contratações para esses cargos aumentaram 43% em relação ao ano anterior, sendo 71% delas preenchidas por profissionais do sexo masculino.

Principais competências

E-commerce, gerenciamento de logística, produtos SAP, operações de depósito, controle de estoque e gerenciamento da cadeia de suprimentos.

Principais localidades

São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Curitiba.

Cargos comuns

Diretor(a) de cadeia de suprimentos, técnico(a) em logística, analista de estoque, operário(a) de estoque, operário de estoque, gerente de e-commerce, analista de e-commerce.

6 – Profissionais autônomos de conteúdo digital

O consumo e engajamento das mídias sociais, seja em formatos de vídeos, podcasts e imagens também está em alta. As empresas adaptaram a abordagem de negócios e contrataram coordenadores de conteúdo e editores de vídeo para estabelecer uma presença online mais forte. Ao todo, houve um aumento nas contratações de 74%, além disso, muitos redatores e editores fizeram uma transição para novas funções de conteúdo digital.

Principais competências

Experiência em podcasts, YouTube, marketing digital e edição de vídeos.

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Curitiba.

Cargos comuns

Podcaster, YouTuber, coordenador(a) de conteúdo e editor(a) de vídeo.

7 – Especialistas em marketing digital

Em constante alta, as áreas de gestão de mídias sociais e marketing digital também tem demandado mais profissionais. Assistentes administrativos e jornalistas aproveitaram a oportunidade para fazer a transição para cargos de gerente de marketing de mídias sociais. A categoria atraiu um grupo demográfico mais jovem, com idade média de 24 anos, e 60% do total das contratações de 2020 foram de mulheres.

Principais competências

Marketing de influência, marketing digital, growth hacking, experiência de usuário (UX), mídias sociais, Search Engine Optimization (SEO).

Principais localidades

São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

Cargos comuns

Gerente de mídias sociais, especialista em estratégias de posicionamento, consultor(a) de marketing digital, produtor(a) de conteúdo e redator(a) para experiência do usuário.

8 – Profissionais de finanças

De consultores a executivos, a pandemia também evidenciou a necessidade de profissionais especializados da área financeira. Com a turbulência na economia e a incerteza nos mercados financeiros, bancos responderam por grande parte das contratações ao lado de corretoras que também contrataram assessores financeiros.

Principais competências

Serviços bancários, negociação, planejamento de negócios, investimentos, finanças corporativas, mercado de capitais e análise financeira.

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre, Florianópolis e Belo Horizonte.

Cargos comuns

Diretor(a) financeiro(a), corretor(a) de ações, consultor(a) de serviços financeiros, contador(a), supervisor(a) de contas a receber e bancário(a).

9 – Telemarketing

Outra área que teve destaque foi a de telemarketing com uma alta de 67% nas contratações em 2020. Além disso, segundo o levantamento feito pelo LinkedIn, 61% dos contratados para funções de telemarketing possuem o título de bacharel e tem idade média de 21 anos.

Principais competências

Telemarketing, atendimento ao cliente, vendas e etiqueta ao telefone.

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba.

Cargos comuns

Representante de telemarketing, operador(a) de telemarketing e especialista em telemarketing.

10 – Cargos de apoio à saúde

Ainda como uma resposta a pandemia, sobretudo quando o Sistema Único de Saúde (SUS) foi levado ao limite, houve um crescimento de 64% nas contratações de profissionais de apoio à saúde qualificados. A tendência é que cargos como balconista de farmácia e encarregado médico sigam com oportunidades abertas.

Principais competências

Experiência em farmácia e com medicamentos, funções de recepcionista, atendimento ao paciente, análises clínicas e gestão de saúde.

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

Cargos comuns

Assistente de farmácia, consultor(a) de saúde, gerente de operações clínicas, encarregado(a) médico(a), coordenador(a) médico.

11 – Serviços criativos

Com a redução dos orçamentos, durante a pandemia as empresas passaram a contar com profissionais autônomos, de escritores a ilustradores, para trabalhar com base em projetos. Para cargos de ilustradores, houve um aumento de 67% no número de contratações entre 2019 e 2020.

Principais competências

Ilustração, arte, ZBrush, jornalismo, design gráfico, modelagem 3D, redação, Adobe Illustrator.

Principais localidades

São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Florianópolis.

Cargos comuns

Ilustrador(a), artista 3D, redator(a), figurinista e designer gráfico.

12 – Análises de dados

Seguindo uma tendência que perdura alguns anos, cargos de análise de dados também tiveram destaque em 2020. Entre as principais necessidades dos contratantes, estavam o direcionamento de negócios para um ambiente on-line e garantir que processos de dados operassem com eficiência.

Principais competências

Apache Spark, Hadoop, SQL, Python, ciência de dados, Tableau e Google Analytics.

Principais localidades

São Paulo, Brasília, Curitiba e Rio de Janeiro.

Cargos comuns

Engenheiro(a) de dados, analista de dados, analista de desempenho e analista de validação.

13 – Cargos de Customer Success

Restrições de viagens, confinamentos e toques de recolher levaram as empresas a encontrar novas maneiras de atender seus clientes, propiciando um crescimento de 37% na contratação de cargos de sucesso de clientes.

Esse crescimento engloba cargos do setor de varejo e call center, com empresas migrando de métodos presenciais a virtuais para manter o suporte aos clientes. Além disso, a pesquisa destaca a transição de profissionais de cargos de caixa e recepcionista para cargos de sucesso de clientes.

Principais competências

Atendimento ao cliente, experiência do cliente, negociação, planejamento de negócios, liderança de equipe e central de atendimento.

Principais localidades

São Paulo, Porto Alegre e Florianópolis.

Cargos comuns

Atendimento ao cliente, líder de equipe de atendimento ao cliente, especialista em central de atendimento, gerente de sucesso do cliente, parcerias estratégicas e gerente de experiência do cliente.

14 – Profissionais do setor de varejo

O ano passado foi um ano turbulento para o varejo em todo o mundo, e no Brasil não foi diferente. Para muitas empresas, foi necessário redirecionar estratégias, transferir a operação para o ambiente online e lidar com o crescimento no fluxo de suporte ao cliente causado pela Covid-19.

Principais competências

Vendas no varejo, merchandising, vendas, atendimento ao cliente e marketing.

Principais localidades

São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza e Curitiba e arredores.

Cargos comuns

Especialista em varejo e especialista em merchandising.

15 – Especialistas em saúde mental

O coronavírus não afetou as pessoas apenas fisicamente, mas também mentalmente. Para lidar com a necessidade de apoio crescente em todo o país, as contratações de especialistas em saúde mental aumentaram 34%. Ainda, o setor registrou o maior número de mulheres contratadas de qualquer profissão, somando 84% de profissionais do sexo feminino.

Principais competências

Psicoterapia, psicologia, psicologia de aconselhamento e saúde mental.

Principais localidades

São Paulo e Belo Horizonte.

Cargos comuns

Psicoterapeuta e psicólogo(a) clínico(a).

Os melhores conteúdos para impulsionar seu desenvolvimento pessoal e na carreira.

Junte-se a mais de 1 milhão de jovens!
Casdastro realizado, fique ligado para os conteúdos exclusivos!
Seu cadastro não foi realizado, tente novamente!

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo: