Um Projeto: Fundação Estudar
Capa podcast Cidadão Quem - Liberdades e Direitos

“Despreparo para a democracia é talvez o que há de mais democrático no Brasil”

Por Suria Barbosa

Como superar o desconhecimento sobre cidadania - liberdades e direitos? No 5º episódio de Cidadão, Quem? conversamos com Diego Calegari, que é fundador do Politize!, startup que promove educação cidadã.

Viver em uma sociedade democrática, como é o Brasil, prevê responsabilidades e deveres e um espaço poderoso de participação. A fim de desmistificar as mais diversas possibilidades que existem no exercício da cidadania, a Fundação Estudar e a Votorantim S.A. lançam o podcast Cidadão, Quem?.

Em cinco episódios, você ficará por dentro de cinco principais dimensões da cidadania mapeadas no Índice de Democracia Local (IDL), conduzido pelo Instituto SIVIS também com o apoio da Votorantim S.A. São elas: processo eleitoral, cultura democrática, liberdades e direitos, funcionamento do governo local e participação política.

Mauricio Mussi, gerente de Relações Institucionais, advogado por formação e especialista em liderança e gestão pública, entrevista membros da rede Líderes Estudar com conhecimento aprofundado sobre os temas.

 

 

#5 Liberdades e direitos

Falas como “cidadão não, engenheiro” só existem porque, no Brasil, há um enorme desconhecimento do que é cidadania – direitos e deveres nela incluídas. Como superar isso?

Foi para desmistificar mais essa faceta do tema, liberdades e direitos do cidadão, que, neste episódio, o último da primeira temporada do Cidadão, Quem?, o apresentador Mauricio Mussi conversa com Diego Calegari, fundador do Politize!, uma startup de impacto que promove educação cidadã acessível e sem vinculações político-partidárias.

“Despreparo para a democracia é talvez o que há de mais democrático no Brasil”, afirma Diego, que defende maior conhecimento para aumentar participação cidadã. “Política é conflito, é disputa, mas também é diálogo”, destaca.

O podcast Cidadão, Quem? está disponível nas plataformas Spotify, Google Podcasts, Apple Podcasts, Deezer, Pocket Casts, Breaker, Overcast e RadioPublic.

#4 Participação política

Na democracia, a participação política é parte dos direitos garantidos aos cidadãos. Ao contrário do que possa parecer, no entanto, ela envolve muito mais do que votar. Com a tecnologia, então, suas possibilidades se expandem ainda mais. “Quando começamos a compartilhar, conseguimos incentivar mais a atuação cidadã”, diz Thiago Rondon, o convidado da vez.

Para investigar esse pilar indispensável da cidadania, Mauricio Mussi, advogado e especialista em liderança e gestão pública e gerente de Relações Institucionais da Votorantim S.A., conversa com Thiago, que é fundador e CEO do AppCívico, iniciativa que conecta organizações, lideranças e partidos com tecnologia, e Codiretor do Instituto Tecnologia e Equidade, organização sem fins lucrativos que desenvolve pesquisas e projetos focados em equidade e ética na tecnologia.

#3 Funcionamento do governos locais

No Brasil, há 5570 cidades, 26 estados e um Distrito Federal. O que está por trás dessa divisão diz muito sobre o funcionamento do nosso Estado; para os cidadãos, entender tais mecanismos contribui para uma atuação mais precisa e eficiente.

Por isso, neste episódio, Mauricio Mussi, advogado e especialista em liderança e gestão pública e gerente da área de Relações Institucionais da Votorantim S.A., entrevista Rodolfo Fiori, Líder Estudar cofundador da govtech Gove, que fornece às administrações municipais de mais de 400 cidades brasileiras uma plataforma focada em eficiência fiscal, além de cofundador e membro do conselho do Brazil Forum UK.

“A tecnologia não chegou nos governos municipais brasileiros da forma que ela chegou em qualquer outro setor da atividade econômica”, destaca Rodolfo. Para ele, a pandemia fomentou mais interesse da população em relação a como o governo atua. “Temos que brigar para o governo funcionar, não para ele parar de existir.”

#2 Processo eleitoral

No segundo episódio do podcast Cidadão, Quem?, o Líder Estudar Diego Arguelhes, que é Doutor em Direito pela Yale University e Mestre em Direito Público pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, discute com Mauricio Mussi direitos e deveres dos cidadãos brasileiros, além de particularidades do processo eleitoral do Brasil e principais instituições envolvidas. “O eleitor tem uma responsabilidade de manter esse sistema funcionando também”, afirma.

Com eleições municipais previstas para acontecerem em 2020, Diego alerta para a importância dessa etapa e explica como ela pode influenciar decisões posteriores, a nível federal. “É importante se informar sobre o que, de fato, está na pauta que essas pessoas eleitas podem fazer, até para cobrar depois”, diz.

#1 Cultura democrática

Cultura democrática é o foco do primeiro episódio do Cidadão, Quem?. A escolha tem motivo: a cultura democrática (ou a falta dela) impacta diretamente na vida dos cidadãos.

Para tratar do tema junta-se ao Mauricio a Joice Toyota, Líder Estudar, cofundadora e diretora executiva da organização Vetor Brasil. Criada em 2015, a Vetor recruta e seleciona trainees para trabalhar com gestão pública dentro do governo. Assim, não só ajuda no desenvolvimento desses talentos, como oxigena e profissionaliza o setor. 

Sua jornada a frente da organização permitiu que Joice tivesse uma visão privilegiada de como a cultura democrática brasileira e a participação popular influenciam no funcionamento da administração pública. “Quando as pessoas entendem o que acontece no governo, elas conseguem entender seu papel como cidadãs e como atuar e contribuir com o país”, afirma. “As pessoas não gostam de pensar no custo da democracia, mas qual é o custo de não tê-la?” Neste episódio do Cidadão, Quem? ela compartilha essas e outras de suas percepções sobre o tema. “

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo