Um Projeto: Fundação Estudar
turma de trainee do Vetor Brasil

Inscreva-se para o processo seletivo de trainee de gestão pública do Vetor Brasil!

Por Suria Barbosa

Pensa em impactar positivamente o setor público? Inscreva-se para o processo seletivo do Programa Trainee de Gestão Pública, que é 100% online. Os trainees selecionados poderão trabalhar dentro de órgãos de governos em todo o Brasil.

Quem já trabalha ou tem interesse em trabalhar com gestão pública já pode se candidatar ao Programa Trainee de Gestão Pública, que está com as inscrições abertas pelo site da organização Vetor Brasil. É possível participar do processo seletivo – realizado de forma totalmente online – até às 11h59 da manhã de 18 de setembro.

Em atividade desde 2015, o Vetor Brasil foi criado por bolsistas da Fundação Estudar para atuar em parceria com governos em todo o país. A organização sem fins lucrativos aloca profissionais que querem trabalhar com gestão pública em funções dentro de equipes dos governos ou potencializa a atuação de profissionais que já estão atuando dentro dessas equipes. No caso do programa de trainees, os selecionados irão desempenhar funções analíticas e de gestão de projetos que desenvolvem a atividade do governo.

Para participar do processo de seleção, é necessário ser graduado em qualquer curso de bacharelado, licenciatura ou tecnólogo, ou ter a graduação prevista até dezembro de 2020. É preciso ter mais de 18 anos, mas não há restrição quanto a idade, formação ou tempo depois da formado.

O Programa de Trainee de Gestão Pública é uma oportunidade para o desenvolvimento profissional e pessoal de profissionais que têm interesse em transformar as políticas públicas do Brasil. O programa inclui mais de 200 horas de formação, ao longo de 12 meses, onde os participantes são instigados a pensar sobre diferentes metodologias que os ajudarão a lidar com problemas complexos de maneira dinâmica. Além disso, desenvolvem habilidades comportamentais cruciais para o desempenho na atuação nos governos.

Duas trilhas para dois perfis

Neste ano, o processo está dividido em duas trilhas de seleção:

Trilha 1

Destinada a jovens profissionais públicos em início de carreira que estão em busca de uma oportunidade de formação gratuita para desenvolvimento pessoal e profissional, e se interessam pela possibilidade de fazer parte da Rede do Vetor, composta por mais de 500 pessoas que já trabalharam em governos de todo o Brasil.

Etapas do processo seletivo para a Trilha 1:

  • Inscrição;
  • Testes Online e Pesquisa de Crenças e Valores;
  • Desafio de Gestão Pública;
  • Entrevista por Competências;
  • Recomendação da gestora ou gestor atual e
  • Assinatura do termo de compromisso de Trainee de Gestão Pública.

Trilha 2

Destinada aos jovens em início de carreira que ainda não atuam no governo mas que têm interesse em ter uma formação gratuita de alta qualidade que irá prepará-los para iniciar a atuação no setor público.

Etapas do processo seletivo para a Trilha 2:

  • Inscrição;
  • Testes Online e Pesquisa de Crenças e Valores;
  • Vídeo de Apresentação Pessoal;
  • Desafio de Gestão Pública;
  • Entrevista por Competências;
  • Preferências de alocação e 
  • Assinatura do Termo de Compromisso de Trainee de Gestão Pública.

Quem ficar com dúvidas pode baixar o guia de preparação, com explicações sobre o processo seletivo e dicas para ir bem nas etapas de testes, vídeo e entrevistas.

Como é o trabalho de um Trainee de Gestão Pública do Vetor Brasil

O dia a dia varia bastante de acordo com a vaga na qual a pessoa é alocada. As diferenças acontecem tanto em relação ao escopo da posição quanto ao ambiente organizacional.

De forma geral, é esperado que as posições sejam sempre de gestão e possibilitem espaço para inovação. Isso significa que o cotidiano pode ser composto por diversas atividades, como: articulação com atores da política pública na qual o profissional está inserido, gestão de processos ou projetos, participação no planejamento estratégico, análise de dados, etc.  

Leia também: Como a atuação de uma trainee no governo impactou a educação no Ceará

De forma geral, os trainees atuam com gestão pública em um cotidiano que pode ser composto por diversas atividades, como: articulação com atores da política pública na qual o profissional está inserido, gestão de processos ou projetos, participação no planejamento estratégico, análise de dados, etc. Os trainees não atuam na ponta em atividades como de lecionar, realizar atendimento público, etc.

É esperado que o trainee trabalhe na operacionalização dos projetos, o que envolve bastante desenvolvimento interpessoal, para além das competências técnicas em gestão pública.

 

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo