Um Projeto: Fundação Estudar
Pessoa ligando laptop

Para estes trabalhos, o mercado freelancer está fervendo

Por EXAME.com

Confira quais são os "freelas" com mais oportunidades no momento e quais as áreas que mais crescem

Por Camila Pati

O relatório Fast 50, indicador de tendências do mercado de trabalhos online, mostra que design é a área que mais cresce em número de oportunidades para os freelancers.

Divulgada trimestralmente pelo portal Freelancer.com, a pesquisa mostra que entre os mais de 482 mil projetos oferecidos para freelas, Adobe InDesign. Design 3D e Creative Design são as categorias de trabalho cujo crescimento na demanda foi mais expressivo.

Do segundo para o terceiro trimestre deste ano, a alta na procura por profissionais para projetos de Adobe InDesign chegou a quase 30% na plataforma Freelancer.com: foi de 1.278 para 1.653 ofertas de trabalho publicadas.

Inscreva-se no curso por e-mail: Segredos Para Produzir Mais Com as Ferramentas do Google

Outra categoria que também teve aumento considerável na busca por freelas é a de projetos em HTML5, com alta de 22%. O relatório aponta que a confirmação da extinção do Flash Player, da Adobe, até 2020, puxa a demanda por trabalhos HTML.

Habilidades no framework JavaScript Angular.js e domínio em React.js, uma biblioteca Java Script do Facebook, ganharam mais oportunidades de um trimestre para outro, mostrando que as redes sociais são uma das principais estratégias das empresas para gerenciamento de marca.

10 áreas para freelancers

Confira quais as 10 áreas que mais cresceram em número de oportunidades:

Em queda, projetos de Excel ainda são os mais numerosos para “freelas”

Com mais 22 mil ofertas de trabalho publicadas no 3º trimestre, a categoria Excel é a que reúne mais oportunidades, embora a demanda esteja em declínio.

Segundo a pesquisa, a queda na procura por trabalhos freelancer em Excel foi de 31,2%, já que entre abril e junho foram anunciados mais de 3,2 mil projetos.

Desenvolvimento de software e redação de pesquisa registram, igualmente, queda na demanda, apesar de estarem entre os mais buscados.

Já os “freelas” de HTML5, além de estarem em alta, marcam presença também na lista dos mais numerosos absolutos, assim como trabalhos de Design 3D e de produção de visitas, conforme a tabela abaixo:

Artigo originalmente publica pela EXAME.com

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo