Um Projeto: Fundação Estudar
Aplicativos de redes sociais na tela de um celular.

7 passos para tornar suas redes sociais mais contratáveis

Por Suria Barbosa

Com os recrutadores vasculhando a fundo a presença dos candidatos na internet, o ideal é limpar as redes sociais de qualquer conteúdo controverso antes de procurar emprego. Conheça sete passos para aperfeiçoar a imagem passada nas redes!

As redes sociais não servem só como passatempo ou fonte de informações. Elas têm um papel real na busca por emprego e na contratação, além de permitirem um networking mais ativo. Não só ajudam a divulgar vagas, como também facilitam o contato entre candidatos e recrutadores.

Mesmo quando o processo não é realizado por meio de nenhuma rede social, há chances de o recrutador vasculhar o que está disponível sobre um possível contratado na internet. Segundo uma pesquisa do Careerbuilder, de 2017, cerca de 70% dos empregadores checa as redes sociais dos candidatos. O estudo realizado pelo site de empregos ainda listou o que eles procuram com essa investigação:

  • Informações que sustentam as qualificações para o trabalho
  • Se o candidato tem uma presença online profissional
  • O que os outros estão publicando sobre o candidato
  • Qualquer motivo para não contratar

Leia também: O Guia definitivo para descobrir e conquistar o trabalho dos sonhos

Para que isso não atrapalhe a procura por emprego, o Na Prática listou 7 etapas para limpar suas redes sociais. Assim, elas ficam preparadas para qualquer investigação a fundo de um recrutador.

#1 Cheque suas redes sociais no modo “público”

Saia das contas de todas as redes sociais e procure visualizar como é o seu perfil para o público. Muitas vezes, as configurações de privacidade não protegem tão bem. Delete o que você não quer que todos vejam, com o objetivo de ficar satisfeito com sua imagem transmitidas nessas redes.

#2 Procure seu nome no Google

As buscas no Google vão tão longe que os recrutadores podem achar perfis que você nem sabia que ainda tinha. Certifique-se de checar todas as páginas que aparecerem.

#3 Torne suas páginas privadas

Pode ser uma boa ideia restringir as preferências de privacidade nas redes sociais em que sua presença é mais “controversa”. Sua missão é deixar a sua imagem o mais profissional possível.

Leia também: O que o recrutador avalia com suas respostas sem você saber

#4 Na dúvida, delete

Dependendo da rede social, não é possível deixá-la completamente privada. Então, considere apagar fotografias provocativas, declarações controversas e quaisquer postagens que se referem negativamente a colegas ou empregadores anteriores.

#5 Denuncie o conteúdo quando necessário

Se outra pessoa postou algo vergonhoso sobre você, peça educadamente que remova o conteúdo. Se, por qualquer motivo, isso não funcionar, denuncie o material para os administradores da rede social. A maior parte delas já possibilita esse contato; muitas até têm botões próprios para isso.

#6 Coloque fotos recentes (e apropriadas!)

E capriche na qualidade. Imagens adequadas, em contexto profissional, ou neutras, ajudam a causar uma boa primeira impressão para o empregador que vasculha suas redes.

#7 Compartilhe assuntos relevantes

Procure compartilhar conteúdo significativo sobre sua área profissional. Também siga empresas e figuras do setor. Isso não só ajuda a se manter informado, como mostra seu interesse pela área.


O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo