Um Projeto: Fundação Estudar
Singularity University

Singularity University abrirá unidade no Brasil e terá evento em 2018

Por Priscila Bellini do Estudar Fora

Conhecida pelos cursos em tecnologia e educação, a Singularity University planeja abrir uma unidade brasileira em São Paulo em 2019

Conhecida pelos cursos em tecnologia e educação, a Singularity University planeja abrir uma unidade brasileira na cidade de São Paulo, em 2019. O plano de expansão da universidade inclui também países como Alemanha e Nova Zelândia, além do Brasil.

Ainda que a unidade brasileira abra as portas só em 2019, já existem planos para 2018. Em abril, a Singularity University organizará o evento SU Global Summit em São Paulo, onde planeja se instalar. Essa conferência, focada em lideranças de setores de tecnologia, espera reunir cerca de mil participantes.

Já em 2019, a Singularity University passará a operar em solo brasileiro, com professores vindos também da unidade americana. A princípio, os cursos oferecidos serão voltados à áreas como robótica, inteligência artificial e inovação.

Baixe o ebook: O Futuro do Mercado de Trabalho

Conheça a Universidade Singularity

A Singularity University foi fundada em 2009 por Peter Diamandis, importante engenheiro e empreendedor norte-americano, e por Ray Kurzweil, inventor, um dos maiores gurus de inteligência artificial e diretor de engenharia do Google. Entre as empresas apoiadoras da instituição, estão o próprio Google, além de Nokia, Kauffman e Cisco.

A universidade oferece cursos de especialização, férias e workshops. À parte algumas particularidades (tempo de duração, enfoque e custo), todos os programas visam inspirar e capacitar os participantes para aproveitar o poder das tecnologias para melhorar a vida de bilhões de pessoas.

O foco da instituição é transformar pessoas e organizações, munindo-as de habilidades e conhecimentos necessários para o enfrentamento de grandes dilemas globais.

Leia também: A cultura do Vale do Silício explicada por quem vive lá

Artigo originalmente publicado no portal EstudarFora.org

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo