Data a definir

Bate-papo com Pedro Janot

Ex-CEO da Zara no Brasil e ex-CEO da Azul

Empresário com gosto por desafios, Pedro Janot trouxe a Zara ao Brasil e foi o primeiro presidente da Azul, tirando o projeto do papel e brigando por espaço no mercado

É melhor ser cabeça de formiga que rabo de elefante. Essa é uma das filosofias do empresário Pedro Janot, conhecido por transformar as empresas em que trabalha em grandes negócios. E não é pouca coisa: transformou a Richards em franquia de sucesso, implementou a Zara no Brasil e presidiu a Azul Linhas Aéreas, primeira companhia aérea low cost do país.

Formado em Administração de Empresas pela Faculdade Cândido Mendes, também é pós-graduado em Recursos Humanos pela PUC-RJ e tem um MBA em Negócios pelo IBMEC. Começou sua carreira profissional na loja de departamentos Mesbla, nos anos 1980, e de lá passou para as Lojas Americanas.

Em 1987, o Grupo Garantia, que tinha recém-adquirido a empresa, convidou-o a assumir a direção comercial da Richards com a missão de transformar quatro lojas em uma rede nacional. O sucesso foi tamanho que, em 1998, headhunters brasileiros e espanhóis o escolheram para introduzir a Zara no país.

Ao longo de oito anos à frente da gigante mundial no Brasil, que começou desconhecida por aqui, Pedro enfrentou desafios na adaptação de operações e cultura. Abriu mais de 20 lojas em sua gestão e deixou uma rede de sucesso em 2008, quando foi convidado a integrar a Azul como primeiro presidente-executivo.

Ajudou a transformá-la em player importante do setor, que hoje tem 17% de market share e uma malha com mais de 100 destinos. Conhecido pelo estilo mão na massa, costumava se apresentar em voos da Azul e circular pela aeronave pedindo feedback aos passageiros.

Em 2011, ficou parcialmente paralisado após um grave acidente à cavalo. Perdeu o movimento das pernas e passou 45 dias no hospital. Seguiu conduzindo reuniões estratégicas e analisando fusões durante quase um ano, até deixar o cargo para focar em sua recuperação – um processo que rendeu reflexões profundas sobre o seu trabalho de executivo.

Atualmente, Pedro integra o conselho da Azul e toca a consultoria Contravento, focada em auxiliar empresários do varejo de moda. Ao lado de Edvaldo Pereira Lima, é coautor do livro “Maestro de Voo”, lançado em 2014, sobre seu tempo na Azul e o acidente. Em breve, sua entrevista com o Na Prática será publicada aqui. Não perca!