Data a definir

Bate-papo com Carlos Degas

Presidente da DeVry Brasil

Carlos Alberto Guerra Filgueiras - ou Degas como é conhecido desde a infância - entrou na faculdade de engenharia para seguir os passos do pai, um empresário bem sucedido da construção civil e do mercado hoteleiro de São Paulo. Contudo, a vontade de fazer a própria história o fez mudar de ideia no meio do caminho. Degas iniciou ali sua carreira como empreendedor e investidor investidor.

Durante um MBA em Stanford, nos EUA, Degas acompanhou a expansão do ensino superior no mercado norte americano e vislumbrou a oportunidade de investir no setor, mas em um território não explorado por grandes redes: o Nordeste brasileiro. Juntou, então, a oportunidade com a visão de um negócio promissor.

Em paralelo, Degas também mergulhou no mercado de logística e fundou a InterCouriers. O negócio deu certo e Degas trocou sua participação por equitys da ebX, de Eike Batista - na época um empresário em franca expansão global. Não deu certo, a experiência foi um desastre, e ele perdeu tudo. Hoje, encara a lição como positiva.

Após a má experiência, Degas juntou o pouco de capital que lhe restava e concentrou suas forças na FANOR, Faculdades Nordestes S/A, da qual foi um dos fundadores e que administrava até então em suas horas de almoço e viagens à cidade nos fins de semana. Mudou-se com a família para a capital cearense e de lá reestruturou o negócio até a FANOR ser adquirida pela DeVry Group, grupo americano com mais de 80 anos de tradição em educação superior.

O movimento incluiu Degas na lista de jovens CEOs e presidentes do Brasil, já que hoje ele comanda a DeVry Brasil, rede que opera 16 instituições de ensino no Norte e Nordeste e tem mais de 135 mil alunos.

Inscreva-se para ser o primeiro a assistir ao bate-papo!