Um Projeto: Fundação Estudar

Bate-papo com Florian Bartunek

Por Rafael Carvalho

Vinte e cinco anos de sucesso com investimentos: conheça o CIO da Constellation

Com vinte e cinco anos de experiência no mercado de ações, Florian Bartunek é atualmente sócio-fundador e CIO (Chief Investment Officer) da Constellation Investimentos, que hoje administra 3 bilhões de reais em ações.

Formado em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), foi quando estava prestes a se formar que viu colado no muro da faculdade um anúncio do Banco Pactual procurando estagiários. Marcou uma conversa e três dias depois estava estagiando no setor de análise. Um ano depois já era chefe do departamento. Em cinco anos, passou a sócio.

Durante os oito anos em que permaneceu no banco, Florian foi chefe de research, trader proprietário, responsável pelo asset management e gestor de todos os fundos e portfolios de ações, entre eles o Infinity, considerado o fundo offshore mais rentável do mundo entre 1991 e 1996, e o Andromeda, primeiro no ranking de ações no Brasil por três anos seguidos.

Em 1999 foi um dos fundadores da Utor Asset Management, empresa criada para gerir os recursos do trio de ex-controladores do Bando Garantia: Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira. Lá, foi gestor do portfolio de ações por 4 anos, até 2002, quando o Florian, juntamente com o Jorge Paulo, decidiram dar acesso a investidores externos à estratégia de sucesso criada por eles.

Assim, em 2002, depois do bem sucedido trabalho realizado na Utor, Florian criou junto com Jorge Paulo Lemann a Constellation Investimentos, uma asset independente especializada na gestão de ações brasileiras com um foco em análise fundamentalista e um rigoroso processo de investimento que engloba atualmente duas estratégias de ações: long-short e long-only. Ao longo dos últimos anos, tornou-se uma das mais conhecidas assets brasileiras no exterior.

Florian participa desde 2010 da Young Presidents’ Organization (YPO) da escola de negócios de Harvard, uma seleta rede de líderes globais que atingiram o sucesso profissional antes dos 45 anos de idade e assumem um compromisso com o aprendizado de ponta e o desenvolvimento através da educação – é, inclusive, presidente do braço paulista da organização. Essa preocupação com o desenvolvimento pessoal é uma de suas características marcantes: ele é conhecido por ser um leitor insaciável.

Além da carreira de investidor, Florian participa do conselho da Abril Educação e já foi professor do curso de Value Investing no Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper) e diretor da área internacional da Anbid (Associacao Nacional dos Bancos de Investimento). Também tem atuação destacada no terceiro setor – é vice-presidente da ProA, uma das maiores ONGs ligadas a educação profissional no Brasil, e participa do conselho da Fundação Lemann e da Fundação Estudar – e no mundo das artes – é um reconhecido colecionador e membro do conselho do Museu de Arte de São Paulo (MASP).

No bate-papo, ele falará sobre sua trajetória profissional, o que aprendeu com os grandes líderes que conheceu e ainda dará dicas para quem quer seguir carreira no mercado financeiro.

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo