Um Projeto: Fundação Estudar

Bate-papo com David Baker

Por Cecília Araújo

O jornalista que é empreendedor, professor, mergulhador, coach... e defende a versatilidade como melhor arma para enfrentar a evolução do mercado de trabalho

Fundador e ex-editor da revista britânica Wired, David Baker escreve regularmente para algumas das mais reconhecidas publicações do mundo, como Financial Times, The Guardian, The Independent e a própria Wired. Sua especialidade: usar linguagem simples para tornar tópicos complexos mais acessíveis a audiências extensas e não especializadas. Com clareza, ele discorre sobre temas como tecnologia, economia, antropologia, saúde e mercado.

Atualmente, David é um dos principais professores na The School of Life, provocando, com suas aulas, seus alunos a viverem uma vida mais plena. Co-fundador da unidade de São Paulo da escola, divide seu tempo entre Londres e São Paulo.

Se estas, por si só, não fossem atividades diversas o suficiente, David também já se aventurou em uma infinidade de outras áreas: graduou-se em Literatura Inglesa em Oxford – onde segundo ele, passou boa parte do seu tempo atuando; ao sair da universidade, trabalhou como barman e escrevia resenhas de teatro para a revista Time Out, de Londres. Foi assim que descobriu seu gosto por trabalhar em casa, escrevendo para veículos de forma autônoma. Segundo ele, este modelo de trabalho tem sido a constância de sua vida.

Também já trabalhou com transmissão de rádio, abriu uma empresa de assistência técnica para MacBooks, fez trabalho voluntário em diversas instituições de caridade, deu aulas de inglês e hebreu a crianças judias, em uma preparação para o Bar-Mitzvah. Mais recentemente, aceitou um estágio em uma empresa de mergulho submarino no México e hoje possui qualificação de mergulhador.

O motivo dessa versatilidade? Uma busca constante por interesses diferentes e maneiras alternativas de aplicar suas habilidades. Entre uma aventura e outra, David falou ao Na Prática sobre carreira, sucesso e suas percepções sobre o futuro do mercado de trabalho. Em breve a entrevista estará disponível na íntegra aqui. Não perca!

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo